BERNARDO MARQUES, piano

Natural de Lisboa, realizou os estudos musicais na Escola de Música Nossa Senhora do Cabo, tendo terminado o Curso de Piano em 2009 com a máxima classificação, na classe da professora Madalena Reis. Nesta escola, a sua formação passou ainda pelo canto, pela ópera, música antiga (cravo e baixo-contínuo) e música contemporânea. Em 2012, concluiu a licenciatura em Piano na Escola Superior de Música de Lisboa, onde trabalhou com Jorge Moyano. Actualmente, prossegue os seus estudos de piano com Artur Pizarro e de música de câmara com Olga Prats.

Conquistou o 1º Prémio do Nível Superior de Piano no 14º Concurso Internacional Cidade do Fundão e o Prémio de Melhor Pianista Acompanhador no 8º Concurso de Canto Lírico da Fundação Rotária Portuguesa, entre outros. Tem trabalhado frequentemente como pianista acompanhador e co-repetidor, destacando-se participações no Festival Vocalizze, no Festival Coral de Verão, no Curso Internacional de Música Vocal de Aveiro (Curso de Ópera), bem como colaborações com a Fundação Gulbenkian (Coro, Orquestra, Concertos Participativos e ENOA).

Paralelamente ao piano, estudou direcção coral e orquestral com os maestros Paulo Lourenço e Henrique Piloto, respectivamente. Tem trabalhado em masterclasse com diversos maestros, como Dr. Eugene Rogers, Dr. Brett Scott, Jean-Sébastien Béreau e Ernst Schelle, estudando actualmente com o maestro Jean-Marc Burfin. Em 2013, começou a especializar-se em ópera com Elena Dumitrescu-Nentwig. Sob a sua orientação, fundou a companhia Nova Ópera de Lisboa, juntamente com a soprano Alexandra Bernardo.

Apresenta-se regularmente em público a solo, em formações diversas ou como maestro.